7 de fev de 2011

Lira dos 25

A Dani
Continua sem tempo. Tem olheiras. Tá de regime. Acostumou a dormir 4 horas por dia. Tá com o cabelo comprido. Tem um filho lindo. Está feliz. Tem unhas cor de melancia. Arruma a casa quando dá. Não tem saco pra fazer comida. Tá entediada. Voltou a trabalhar. Tem preguiça. Quer mudar de ramo. Ama o que faz. Quer se formar. Sente falta de dançar. Aprendeu a fazer papinha. Conseguiu ir ao cinema com o Pedro. Boceja sempre. Descobriu o instinto materno. Precisa viajar. Tá no ócio criativo. Ficou com pouquíssimos amigos. Estreitou laços com a família. Fez 25 anos. Agora usa creme anti rugas.

A Dani disse ontem

A Dani ficou triste
A Dani também leu
A Dani não existe

É A Dani insiste

A Dani não consegue
A Dani inventou
Ela também merece

A Dani é azeda
Mas é doce quando é doce
A Dani é azeda
Mas muito doce quando é doce

A Dani nada sabe
A Dani sempre canta
A Dani me enrola
A Dani me encanta

A Dani se pintou
A Dani não limpou
A Dani que escreveu
A Dani se esqueceu

Foi A Dani que fez
Foi A Dani que foi
Foi A Dani em fá
Foi A Dani, foi

A Dani ama
A Dani odeia
A Dani sonha
A Dani canta

(adaptação de A Ana - Ana Cañas)